Análises

Far Cry 5 – Análise

Far Cry 5 chegou em março para PC, Xbox One e Playstation 4, e desde então vem quebrando recordes de vendas. E não é para pouco. É disparadamente o melhor jogo da Ubisoft até agora e talvez seja até o melhor do ano. Com uma narrativa ousada e usando a fórmula da série do jeito certo era impossível dar errado.

A cidade de Hope County, nos Estados Unidos, é dominada por um tipo de fanatismo religioso liderado e criado por Joseph Seed, um lunático psicopata que não desiste de conquistar o mundo, e por isso criou uma religião usando suas ideias e fazendo o povo as usar. No começo do jogo, você é um policial (podendo se customizar do jeito que quiser, mas com algumas limitações) e tem um mandato de prisão sobre o líder. Quando você invade sua propriedade, obviamente tudo dá errado, e na tentativa de tentarem te raptar, você consegue fugir em meio a floresta, tendo agora um mundo inteiro a sua volta para explorar e continuar a história. Isso é Far Cry.

far-cry-5-3840x2160-joseph-seed-4k-7814
Joseph Seed é líder de um culto religioso fanático em Far Cry 5

Como um grande fã da série, esse jogo foi a minha maior satisfação. Pela primeira vez, usaram todos os elementos dos anteriores sem nenhum erro, seja em enredo ou jogabilidade. Além disso, seu mundo aberto é fantástico e cheio de afazeres, como pescar (com um sistema melhor do que qualquer jogo de pesca). Infelizmente, para alguns jogadores se tornará monótono após o final. Porém, pela primeira vez, implementaram um modo online ótimo chamado Arcade onde é possível criar mapas usando ferramentas do jogo e jogar outros minigames que outras pessoas fizeram, e isso aumenta e muito na longevidade do jogo. Para se ter uma ideia, já até vi a recriação da casa do Resident Evil 7 e um battle royale (similar ao aclamado PUBG, por sinal).

far_cry_5_arcade_key_art
O modo arcade permite aos jogadores criar mapas e modos e compartilhá-los online

Em questão de jogabilidade, o jogo continua o mesmo, intuitivo e fácil. Uma prova disso é que você é largado no meio da floresta para aprendê-la, e isso é perfeito. Boas opções de veículos, armas e até mesmo animais para agirem como seus parceiros são adicionados aos poucos melhorando essa possibilidade. Para melhorar, implementaram alguns elementos RPG, como a personalização do personagem (algo nunca visto antes) e desenvolvimento do próprio, mas sem exageros.

Os gráficos não são nada além do esperado. Eles obrigatoriamente teriam que inovar nisso também e conseguiram. Em contrapartida, temos vários bugs, mas nada que afete no gameplay, como algumas plantas que não conseguem ser atravessadas e alguns inimigos que morrem ou desaparecem. A trilha sonora também cumpre seu papel e a dublagem em português brasileiro está suficientemente boa.


Conclusão

Far Cry 5 é um dos melhores jogos de todos os tempos porque consegue inovar a franquia ao mesmo tempo que parece uma mistura de todos os jogos dela. Merece ser apreciado por todos os tipos de jogadores.


O melhor

  • Enredo que parece muito polêmico mas não é
  • Jogabilidade fluida, intuitiva e sólida
  • Modo online novo intitulado Arcade
  • Mundo aberto incrível, com áreas rurais e urbanas muito bem construídas e variadas

O pior

  • Bugs que não interferem no jogo, mas acontecem

10/10

Anúncios
Comments (0)

Deixe uma resposta

Anúncios
Anúncios
Anúncios
Anúncios
Não perca nenhuma novidade!
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: